Caminhadas e Trilhas

Unimed Sul Capixaba

NOTÍCIAS


15.12.2007

Programa que contemplou Reservas Ecológicas chega ao fim com sucesso absoluto!

 

 

Após seis anos de atuação na Mata Atlântica, o CEPF encerra em dezembro de 2007 sua primeira fase de investimentos no bioma, com a conclusão das atividades da coordenação local. Lançamos neste mês a publicação final do CEPF-Mata Atlântica que relata os principais resultados dos projetos e programas desenvolvidos com o apoio do Fundo. A publicação impressa será distribuída para os parceiros e a partir de janeiro de 2008 estará também disponível em pdf no site dos corredores (www.corredores.org.br).

A recuperação de áreas degradadas, a consolidação de unidades de conservação, o planejamento da paisagem com finalidade de promover a conectividade dos fragmentos florestais, o incentivo à adoção de práticas agrícolas menos impactantes, a proteção de espécies ameaçadas, a educação ambiental, a integração de ações de fiscalização, o fortalecimento das instituições e o engajamento das comunidades na conservação dos recursos naturais, principalmente com a formação de redes institucionais, foram frentes de atuação que destacam o CEPF como um programa de larga escala e de grande impacto para conservação da biodiversidade na Mata Atlântica. O CEPF abriu oportunidade para formação de várias redes de trabalho, agrupando, a partir das ONGs, pesquisadores, gestores públicos, educadores, proprietários de terras, e empresas de setores estratégicos, o que deu maior capilaridade às ações de conservação.

Última edição do Araponga Online

Esta será a última edição do Araponga Online. Com ela encerramos a divul- gação dos resultados do CEPF na Mata Atlântica por esse boletim. Foram 14 edições, divulgadas de julho de 2005 a dezembro de 2007, onde ressaltamos parte dos resultados dos programas e projetos apoiados pelo CEPF. Agradecemos a atenção que todos nos dispensaram durante esse período. Novas notícias e resultados poderão ser acompanhados pelo site dos Corredores de Biodiversidade da Mata Atlântica. Nosso contato tam- bém continuará disponível através do “Fale Conosco” desse site -
www.corredores.org.br
.

Considerando a rede de parcerias estabelecidas, mais de 460 instituições foram envolvidas com os projetos do CEPF-Mata Atlântica. Ao todo, as instituições responsáveis pela execução dos projetos já conseguiram alavancar, após a contribuição do CEPF, mais de US$9,600,000 de diversas outras fontes de financiamento, o que representa 120% do investimento inicial do Fundo. Este valor certamente será ainda maior, pois novos projetos continuam sendo aprovados por fontes nacionais e internacionais. Além disso, os impactos positivos alcançados estendem-se por longo prazo e mais atenção será dispensada às regiões contempladas à medida que os novos resultados surgirem e forem consolidados.

Alguns projetos se estenderão até início de 2008, ainda com o apoio direto do CEPF. Várias instituições conseguiram novos financiamentos e continuam atuantes. O Programa de Incentivo às RPPNs da Mata Atlântica, iniciado com o suporte do CEPF, por exemplo, conquistou novos parceiros que permitirão sua atuação nos próximos anos.

A contribuição do CEPF para a Mata Atlântica foi muito importante, pois promoveu uma mudança de escala de participação da sociedade civil na implementação dos corredores, bem como na conservação de regiões estratégicas do bioma. O CEPF promoveu grandes avanços na implementação do Corredor Central da Mata Atlântica, viabilizou o início de um processo semelhante no Corredor da Serra do Mar e contribuiu também com ações específicas para o Corredor do Nordeste e outras regiões do bioma. A disseminação dos recursos do CEPF para instituições que atuam em escalas tão diferentes gerou resultados que continuam tendo desdobramentos que avançam extrapolando o tempo e o espaço de atuação do Fundo no bioma.

Agradecemos a todos que contribuíram para o sucesso do CEPF na Mata Atlântica.


 

 

Caminhadas e Trilhas

Todos os direitos reservados © 2016 Caminhadas e Trilhas.