Caminhadas e Trilhas

Unimed Sul Capixaba

Notícias


10.08.2012

O Meio Norte Brasileiro: por Bruno Santolim.

 

 

Existe um roteiro, ainda não muito badalado por estas bandas do sudeste, intitulado "Rota das Emoções" que é simplesmente fantástico, compreendendo regiões de extrema beleza e natureza exuberante em três Estados brasileiros, passando pelos Lençóis Maranhenses, o delta do Rio Parnaíba (PI) e Jericoacoara (CE).

Existem vários pacotes compreendendo opções básicas (Lençois - Delta - Jeri) ou mais completas, variando de 5 a 12 dias com várias opções de hospedagem.

Como tenho a alma inquieta e sou avesso a "pacotes formatados", resolvi traçar meu próprio roteiro, tomando por base alguma pesquisa,  dicas na internet e na literatura especializada, com duração de 15 dias.

Iniciamos a viagem por São Luiz, (2 dias) conhecendo o seu exuberante centro histórico, embora carente de manutenção. A cidade em si não é muito bonita, mas sua história e folclore são fantásticos.

Também visitamos Alcântara, mais antiga que São Luiz, com sua história, beleza e casario com os azulejos históricos.

Seguimos para os Lençóis Maranhenses - Dali para frente deixamos os calçados para trás  e foi pé no chão, ou melhor, na água. Optamos por começar a visitar o Parque Nacional dos Lençóis pelo seu lado oeste, ainda pouco visitado, mas que, por si só,  já vale o passeio. Após uma viagem de umas 4 horas, por asfalto e trilhas de areia chegamos a Santo Amaro do Maranhão - onde estão localizados os grandes lençóis. Longe da agitação de Barreirinhas, o local ainda mantém a simplicidade e beleza praticamente intocáveis. Hospedagem simples, gente humilde e hospitaleira..... Se soubesse ficaria por mais uns 02 dias. Além das lagoas formadas entre as dunas, tomamos banho de rio (limpíssimo e de água potável), coisa rara nestes dias.

Depois seguimos para Barreirinhas (MA), portal de entrada para os pequenos lençóis. Como o acesso é todo por asfalto o local fica infestado por turistas....  Tem suas belezas naturais, e um passeio de boia cross de uma hora rio abaixo que vale a pena. Uma Avenida beira rio muito aprazível, que em nada lembra a nossa!

Daí em diante, até o Piauí, seguimos praticamente por vias fluviais, de voadeira pelo rio preguiça passando por lugares pitorescos como Vassouras, Caburé, Mandacarú, pernoitando em Atins, local de rara beleza, com seu mangue e dunas fantásticas. Pouca badalação, um silêncio...

De Atins seguimos de 4x4 até Tutóia onde novamente entramos numa voadeira e cruzamos o Delta do Parnaíba até Tatus, já no Piauí e de lá seguimos para Parnaíba. Cidade base para exploração do Delta do Parnaíba e suas ilhas, onde ficamos mais 02 dias.

De Parnaíba seguimos para o Parque  Nacional de Sete Cidades, com suas formações rochosas incomuns e sua arte rupestre, local muito bonito em região de cerrado. Um calor danado!

Após a visita seguimos para o Ceará, onde pernoitamos na cidade serrana de de Ubajara e logo pela manhã visitamos o Parque Estadual que leva o nome da cidade, com suas chapadas e  grutas.

Depois seguimos para Jericoacoara, famosa e badalada  praia do litoral cearense! Ficamos por 03 dias explorando a região com suas prais e lagoas de água cristalina. Agitação para quem aprecia e sossego para que sabe procurar.

Ao final seguimos para Fortaleza onde pudemos visitar uma bela exposição cultural em comemoração aos 100 anos de Luiz Gonzaga e ainda aproveitamos o final da programação artística e cultural programada para as férias.

Priorizamos, na medida do possível,  o contato direto com os moradores locais, refeições simples preparadas com extremo carinho por gente humilde e que está tendo uma vida mais digna com a chegada do turismo (como as que podemos saborear ao final das nossas caminhadas) e, desta forma, tentamos passar estes valores aos nossos filhos, além do respeito ao meio ambiente.

Abraços

Bruno e família!

 

 

 

 

 

 Delta do Parnaíba

 

 Parque Nacional de 7 cidades (PI)

 

Parque Estadual de Ubajara- CE

 

Parque Estadual de Ubajara- CE

 

Revoada dos Guarás - divisa do MA/PI

 

 

Caminhadas e Trilhas

Todos os direitos reservados © 2016 Caminhadas e Trilhas.